Caixão é encontrado fora de túmulo violado em Siderópolis

O túmulo de uma mulher de 43 anos foi violado na madrugada desta segunda-feira no Cemitério Municipal de Siderópolis. Ela havia sido enterrada na tarde desse domingo e, nesta manhã, um funcinário do cemitério encontrou seu caixão para fora do túmulo e avisou a família. Polícia Militar, Polícia Civil e Instituto Médico Legal (IML) estiveram no local. Uma perícia também foi realizada no túmulo nesta manhã para identificar o que teria acontecido durante a madrugada.

O policial militar Jones Monteiro Fraga explica que a mulher foi encontrada nua dentro do caixão. Ela foi levada ao IML de Criciúma, onde um exame será realizado para identificar se houve a prática de ato sexual, o que caracterizaria o crime de vilipêndio a cadáver. Depois dos procedimentos legais, o corpo será enterrado novamente.

Seu marido, que foi ao local nesta manhã, explica que ela não foi enterrada com correntes ou brincos de ouro – o que poderia ter ocasionado o crime. Eles eram moradores de Balneário Rincão e a mulher foi enterrada em Siderópolis por ter família na cidade. Ela faleceu neste final de semana em decorrência de um câncer.

A partir de agora, a Polícia Civil investigará o crime. Câmeras existentes nas proximidades do cemitério podem ter registrado imagens do suspeito.  

 

Texto: Amanda Garcia Ludwig  /  Foto: Amanda Garcia Ludwig