Mães recebem homenagens dos alunos da Apae de Siderópolis

09/05/2015 11:48

Emoção e carinho marcaram as apresentações musicais realizadas na tarde da sexta-feira (8)

Emoção, carinho, lágrimas e muitos sorrisos. Foi assim que as mães dos alunos da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Siderópolis passaram a tarde da sexta-feira (8). Com o auxílio da direção e das professoras, as crianças, adolescentes e adultos participaram de apresentações musicais para homenageá-las. Ao fim das atrações, um café foi oferecido a todas as participantes.

Para a diretora da Apae, Mariléia da Silva Müller, ações como essa trazem benefícios a todos. “Esses eventos são importantes para estreitar os laços entre a família e a escola. Não tivemos aqui apenas a presença de mães, mas também de pais e avós. Em alguns casos, há familiares que dificilmente aparecem na associação, desconhecendo a alegria e o prazer dos alunos no que fazem aqui. É por isso que sempre ficamos felizes em proporcionar um momento como esse”, destacou.

Para as mães, ter um filho excepcional pode exigir mais empenho e cuidados. Entretanto, não há diferença quanto ao amor dedicado a eles. “Sempre digo que quando se tem um filho especial, a mãe também se torna especial. De qualquer forma, não há uma distinção entre aquele que tem necessidades especiais e os que não têm. O único detalhe é que será como se estivesse sempre cuidando de um bebê, de uma criança grande”, comentou Ondina França Feltrin, cujo filho de 49 anos frequenta a Apae desde os cinco anos. 

Texto e Foto: Suelen Bongiolo Gomes