Empresa de Siderópolis lança produto inédito capaz de gerar energia elétrica

26/10/2015 21:15

Eles são fundamentais para o funcionamento de correias transportadoras e têm significativa participação em setores como mineração e portuário. São os roletes, peças que giram em torno do próprio eixo e que, quando unidas e acopladas a outros equipamentos como os suportes, movimentam as mais variadas cargas. Foi analisando o desempenho dos roletes, que a equipe de engenharia da empresa Imepel, com sede em Siderópolis, teve uma ideia inédita: aproveitar o movimento do rolo para gerar energia. O resultado é o lançamento do produto Energy, que promete ser um grande marco em questão de sustentabilidade.

Segundo o presidente da Imepel, Edson Zanatta, a novidade estava em estudo há pelos menos dois anos. “A energia é muito cara no Brasil e, em alguns locais onde tem transportadores contínuos, ela também é restrita, então desenvolvemos um rolete capaz de gerar energia com o próprio movimento”, afirma. Segundo ele, a tecnologia deve ganhar amplo destaque no mercado. “É o rolo trabalhando e ao mesmo tempo gerando energia para a organização”, enfatiza.

Uma empresa focada na inovação

Ao lançar o Energy, a Imepel fortalece características próprias, como a inovação constante e a busca por oferecer soluções aos clientes. “Este protótipo abre um leque de possibilidades, tornando as empresas que utilizam transportadores contínuos ainda mais competitivas”, afirma o presidente da empresa, Edson Zanatta. Conforme ele, com o valor atual da energia no Brasil, nada como apostar em produtos diferenciados, capazes de suprir necessidades de forma eficiente e sustentável.

Além do lançamento do Energy, outra novidade recente da Imepel é o Suporte Articulado, produto que visa facilitar a troca de rolos em correias transportadoras. Ambos os lançamentos foram feitos, oficialmente, na 16ª edição da Exposição Internacional de Mineração - a Exposibram, realizada em Minas Gerais, no mês de setembro. A Imepel é a maior fabricante de rolos para transportadores contínuos do Brasil.

 

Fonte: Portal Sul in Foco