Siderópolis irá sediar Seminário Aguaí fomentar as potencialidades turísticas da região

16/07/2013 19:28

A cidade de Siderópolis vai sediar, entre os dias 8 e 9 de agosto de 2013, o Seminário Aguaí – Turismo Sustentável em torno da Reserva, nas dependências do Restaurante Ghellere, no interior do município. O evento é uma promoção das prefeituras de Siderópolis, Treviso, Bom Jardim da Serra, Morro Grande e Nova Veneza. Apoio: FATMA, Felinos do Aguaí, ASGEM, SATC. GVBSC e Epagri.

 

O evento propõe fomentar as potencialidades turísticas da região proporcionando novas formas de geração de emprego e renda às comunidades de forma consciente e sustentável.

Para o coordenador do evento do Instituto Alouatta, Paulo Renato Cadallóra, a primeira fase do projeto já está em curso. “É um pré-diagnóstico das potencialidades de cada município, e a segunda será a realização do seminário com palestrantes de várias partes do Brasil especializados em turismo sustentável em unidades de conservação para discutir com a comunidade, empreendedores, poder público, ONGs sobre as oportunidades e desafios que envolvem o tema.”

Para o prefeito de Siderópolis, Helio Cesa, o Alemão, o objetivo principal do seminário é fomentar um olhar diferente no turismo. “Nós temos a Serra mais bonita do Estado, equipamentos de turismo como: a Barragem do Rio São Bento, o Caminho dos Tropeiros, a Reserva do Aguaí, a rota gastronômica com os restaurantes Ghellere e Romagna que juntos somando com outros produtos e municípios integralizando iremos formar um grande potencial para fomentar o turismo. “Com o Ecoturismo vamos lançar uma nova sementinha e que no futuro se torne um grande potencial turístico e econômico para a região.” 

Sobre a Reserva Biológica

A Reserva Biológica do Aguai completa 30 anos neste mês. Unidade de Conservação de proteção integral abriga biodiversidade única, além da importância relevante de mananciais hídricos que abastecem os municípios da região. Quatro municípios têm áreas na reserva dentro de seus limites territoriais. São eles: Morro Grande – 2%; Nova Veneza – 22,2%; Siderópolis – 61% e Treviso – 14,8%.

 

Palestras

Na programação de palestras temas como: “O que o Ecoturismo e Aventura podem fazer pela sua região?, por Gustavo Fraga Timo, de Belo Horizonte; “Conciliando Conservação e Desenvolvimento – Uma história de Sucesso de Bonito, em Mato Grosso do Sul, por Eduardo Folley Coelho, de Mato Grosso do Sul; “Gestão de Segurança para Atividades de Aventura”, por Ronaldo Franzen Nativo, do Paraná; “Estruturação da Rede de Cooperação do Pólo de Aventura da Serra Gaúcha, por Evandro Schütz, do Rio Grande do Sul.

 

Inscrições são gratuitas e devem ser feitas antecipadamente pelo e-mail rotasdoaguai@gmail.com ou pelo telefone (48) 3469-9107.

 
Colaboração: Cris Freitas